Home / Destaque / Dalila diz que afastamento de desembargadores não afetou funcionamento do TRT-BA

Dalila diz que afastamento de desembargadores não afetou funcionamento do TRT-BA

A nova presidente do Tribunal Regional do Trabalho, Dalila Andrade, disse nesta terça-feira (5) que o Tribunal continua funcionando normalmente e as atividades não foram comprometidas pelo afastamento de 5 desembargadores determinado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Os magistrados foram afastados após serem alvo de investigações por venda de decisões judiciais e tráfico de influência (entenda aqui).   “As nossas normas internas prevêem que na ausência de um desembargador, um juiz titular de vara é convocado a atuar no lugar dele. Imediatamente após o afastamento dos desembargadores, o Tribunal convocou 5 novos juízes para atuar no lugar deles. O Tribunal continua funcionando normalmente, não houve nenhum prejuízo nas atividades jurisdicionais”, comentou.   “O Estado democrático só sobrevive com instituições fortes e funcionando. Significa que cada uma cumpra seu papel, o STJ [Superior Tribunal de Justiça] cumpriu seu papel, foi o STJ atuando, assim como o CNJ no campo administrativo disciplinar. Isso não vemos com normalidade, mas encaramos como fatos que devem ser investigados e queremos que tudo seja esclarecido, já que queremos manter a credibilidade do nosso tribunal”, finalizou Dalila.   A nova diretoria do TRT-BA ainda é composta pelo corregedor regional, desembargador Alcino Felizola; e a vice-corregedora, desembargadora Luiza Lomba. Porém, um cargo ficou vago: o de vice-presidente. Isso porque o cargo seria ocupado por uma das desembargadoras afastadas, Graça Boness (leia mais aqui).

Veja Também

FÓRUM ITINERANTE DE CULTURA, FAEG-SUL, VAI A BUERAREMA, NESTA QUINTA-FEIRA, 21, COM PALESTRAS, INTERVENÇÕES ARTÍSTICAS E OFICINA

O município é o principal ator no apoio à valorização da cultura local. Com o ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *